Estilo de vida e consumo de fibras combatem prisão de ventre

Constipação, prisão de ventre ou simplesmente intestino preso. Você já ouviu falar de algum desses termos? São alguns dos nomes do incômodo que cada vez mais afeta as pessoas por conta do estilo de vida dos dias de hoje, que combina alimentação industrializada e pobre em fibras, vida sedentária e a ingestão insuficiente de líquidos.

Com esses elementos combinados, o resultado é o funcionamento irregular do intestino, que provoca a famosa prisão de ventre. Mas é importante falar que a definição do problema é bastante variável, porque cada pessoa tem uma frequência própria de evacuações. De acordo com os especialistas, essa frequência pode variar entre 3 a 12 vezes por semana.

Consultar um médico é muito importante para conhecer as causas do distúrbio e dessa forma encontrar o melhor tratamento. Na maioria dos casos, a correção do transtorno passa por novos hábitos de vida.

Uma das medidas mais importantes é aumentar a ingestão de fibras nas refeições e reduzir o consumo de produtos industrializados, é sempre bom ter em mente que os alimentos integrais são mais saudáveis e indicados, frutas, verduras, legumes também são essenciais.

Para aumentar o consumo diário de fibras é sugerido complementar a alimentação com algum suplemento nutricional. Uma das melhores opções é a base de Psyllium, que pode ser consumido em cápsulas ou em pó diluído em líquidos.

Nas 180 unidades da Farma Conde você encontra o Plantaliv, que é vendido em caixas com 10 sachês de 5 gramas de Pysillium cada. Apenas um sachê é suficiente como complemento do consumo diário de fibra. De sabor agradável, pode ser diluído em água e sucos e tem ótimo preço, apenas R$ 17,35.

 

 

Deixe uma resposta